12.1.10

A Natureza do destino

Ser seu é uma forma de gratidão
Na noite escura que me apavora
Sinto do peito uma vontade de abraçar você.


Sorridente assim não resisto
Você rompe com a saudade
Você facilita as coisas: É um anjo

Tão frágil e Linda
Que eu reparo em cada palavra sua
E cada gesto me lembra o teu perfume


Não saia do meu caminho
Pois o sonho já está nas mãos do tempo


Quando a solidão assombra
Percebo que a sombra vira luz
O seu olhar vira sedução
O seu beijo vira o meu próprio destino.
Postar um comentário