1.6.15

Ah,  minha amiga  pujança
Onde estará você?
Praticar a temperança
Ou o deleite sob o poder?

Certos cálices cínicos
Já causaram a dor
E de toda pureza que dá libido
Fizeram do outro bajulador. (Coitados)

Dignos das curvas do tufão
Boa praga é a tristeza
de "Quem vê cara e não vê  coração"
Dos falsos humildes sobre destreza.

Longe dessa poesia
Destruidora de caminhos
Desconstrução do que amor pleno seria
Questiono: pimenta do reino ou cominho?.

Daniel Silveira

Postar um comentário