20.11.12


Saudade d'uma chance.
Esse acaso que sou me deixa perplexo.
Nesse espectro que habito não sei se sou, caibo, ou flutuo num mero paraíso de minh'alma.
Postar um comentário